Postagens

Mostrando postagens de 2013
Talvez ainda seja pra ser. Ou talvez aquele amor todo que eu sentia se foi com o tempo e só me resta lembranças e esperança de um futuro sólido contigo. Talvez seja um desejo árduo de te ter aqui ou talvez seja apenas amor. Aquele amor puro que sobreviveu diante de tanta hipocrisia que o destino nos pregou. Ou aquele amor de amizade, de ciumes, de posse e principalmente de um orgulho ferido: o de nunca ter dado certo. Mais afinal, amar é pra sempre ou amar não se julga pelo tempo e sim pela intensidade e  pelo transtorno que esse sentimento nos causou? É... o amor e seus segredos.
Todo mundo precise de alguém que precise da gente.
Não quero reclamar de nada. Não quero cobrar nada. Mais será que talvez não percebem o quão estou tristes por dentro? O sorriso de nada vale. O cansaço me dominou. E não é qualquer cansaço. É O cansaço. É aquele que o vazio preenche. É aquele que sente saudade de alguém se importando. É aquele que muitos conhece, por falta de ter algum amigo que lhe estenda a mão. Que se mostre preocupado. Que além de todas as palavras, lhe dê aquele abraço, e sabe, o que se passa dentro de ti, e tenta te ajudar de todas as formas possíveis. É, talvez o cansaço não domine só à mim, talvez domine à todos. SINCE 2011
“Ninguém pode me salvar de mim mesmo. Você acha que eu nunca tentei? Você acredita mesmo que eu quero ser assim? Foi você, por você, somente por você que eu tentei ser uma pessoa melhor. Por acreditar nessa coisa que sinto por você. Mas não dá, não adiantar tentar. Eu não sei amar, não sei ser amado. Eu não sei lidar com as pessoas. E por mais que eu tente, é em vão. Eu sempre acabo estragando tudo. Desculpa. Se eu não prestei atenção em você. Se eu não soube me comportar na frente dos seus pais e pelo ciúmes desnecessário que senti dos seus amigos. Desculpa se algum dia - foram vários- eu te fiz chorar. Desculpa se eu nunca te escutei, é que eu não sei dialogar. Desculpa todas das discussões, todas as noites que te liguei bêbado. Me desculpa também por ter desperdiçado o teu tempo comigo. Mas me desculpa mesmo, por te fazer gostar de alguém como eu.”
(Querido John)
Não consigo pensar em outra coisa a não ser me fazer feliz. Te fazer feliz. Nos fazer felizes.

you, forever

Não é loucura, nem nada parecido. Não é nada que seja fora do comum, ou que seja novidade. As vezes eu me pergunto se eu não lhe amo mais, se meu coração já lhe esqueceu. Se eu já posso viver só recordando que um dia eu lhe amei e que você foi, por um momento, a pessoa mais especial na minha vida. É, acho que eu tinha certeza disso. Certeza que já não eras mais nada para mim. Bom, era apenas uma suposição da qual eu acreditava com convicção. Mas tudo mudou quando descobri que "quase" lhe perdi. Não podia me imaginar sem ti, sem a esperança de te reencontrar em algum lugar, ou de te ver online no chat do facebook, que mesmo sem falar contigo, me acalmava te ver lá, porque ai teria certeza que tudo estava em paz. Querendo ou não, não posso negar que eu lhe conheço bem, sei dos teus gostos e desgostos. Não sei como é possível se nunca convivemos tanto tempo juntos assim. Mais sei disso, e você também.  Sinto saudade daquela época. Sem algo especifico, e sim, de tudo. De tudo que e…
De fato, não te conheço. Achei que tu eras encantador, fofo e todos aqueles apelidos meigos que lhe dei naquela época. Mas não, me equivoquei. Tu era doce demais para não azedar. Me iludi acreditando que as pessoas são sinceras e compreensivas, infelizmente, elas são deprimentes. Podem nos surpreender a qualquer momento, quanto pelo lado negativo, quanto para o positivo. Lamentavelmente ser você, que eu tanto adorava, me decepcionar assim, desse jeito, desse lado tão "singular".  Não estou chateada, pelo contrário, até agora, não senti vontade nenhuma de derramar lagrimas. Caso tenha achado que eu era vulnerável a ti, que meu mundo iria desmoronar e que iria suplicar pelo teu amor, se enganou. Único sentimento que consigo ter diante de tamanha hipocrisia é sentir a tal famosa expressão "pena" e se sentir surpreendida. Esperava mais de você. Esperava muito mais.  Acreditava que tu eras uma pessoa com boa índole e a maquiavélica, era eu. Felizmente tudo não passou de u…
Tu se foste sem dizer nada me deixaste aqui, perdida As horas passam depressa Se eu não lhe encontro Me perco no tempo fazendo apenas uma promessa Teus olhos ei de ver outra vez Tua boca beijar e teu abraço sentir Um futuro que ainda é incerto Ainda há de existir. Nos teus braço me reencontrarei E nele, permanecerei. O tempo gela a paixão ausente Mas não a veda De forma, que estará sempre presente.
A escolha de hoje é a consequência do amanhã;
Se tudo vai mudar, porque não falar de mudanças? Porque não falar de algo que nos amadurece mais vezes? Porque será que sentimos tanto medo dessa tal mudança? Sera que é porque talvez as expectativas podem não corresponder com a realidade? Ou sera a falta que o 'passado' trará? Enfim, tantas perguntas, tantos medos e apenas uma certeza: as coisas mudam. Aproveite o que a vida lhe oferece, primeira, segunda e até a terceira chance. Aproveite aquela viagem que você quer mas não sabe se deveria ir e vai, aproveite o som dos pássaros, a lua, as estrelas, e o sol raiando. Aproveite cada segundo porque talvez pode ser o ultimo. A vida se renova a cada minuto. Qualquer atitude inusitada porque causar um grande estrago. Não tenha medo de viver. Arrisque. Sorria. Chore. Sofra. Ame. Mais Viva!
Imagem
"A saudade apertou, doeu e eu estampei o meu melhor sorriso na esperança de que as pessoas não notassem o quanto eu estava relutando por dentro."
"O certo é que uma história nunca tem fim. Não há como destruir as lembranças de tudo que vivemos
(Verdade Feminina)
Não desperdice o tempo. Aproveite-o o máximo de tempo possível  Não deixe aquela oportunidade que te faz bem passar. Não deixe com que uma pedra te destraia no caminho fazendo com que te faça perder ou ficar confusa se está indo para a direção certa. Infelizmente as coisas passam, momentos passam, e as oportunidades são perdidas, para talvez nunca mais voltar. Arrisque mais. Ame mais. Sorria mais. Aproveite tudo que aquela pessoa ou aquele momento te proporciona... Se te faz bem, pra que tentar se esquivar?! Com o tempo, o estorvo da saudade aparecerá, mais faça com que ele venha sem arrependimentos, principalmente o arrependimento de ter feito diferente. Sentir saudade ou se arrepender não trará nada de volta. Viva o hoje e esqueça o amanhã. Não se destraia com uma pedra ou com uma flor bonita, porque como dizem,  "você pode perder o brilho do sol contando as estrelas".