Voar sem ter aonde chegar.


Já me perguntaram uma vez, que se pudesse ler mentes ou voar, qual eu escolheria. É, é meio estranho eu preferir voar. Ler mentes deveria ser ótimo. Saber o que está pensando quem desejo. Saber o que as pessoas realmente pensam sobre nós. Mas ao mesmo tempo é ruim. Qual a graça que terá você saber o tempo todo o que está pessoa está pensando? E o prazer de descobrir? Aonde ficará? E o mistério? E a privacidade de algum sentimento? É lamentável. Particularmente eu odiaria saber o que as pessoas pensam, é bom por um lado, mais na maioria é horrível. Cá entre nós, a graça da vida é você saber que pode acontecer qualquer coisa a qualquer momento, que graça teria você saber o que as pessoas querem? Nenhuma. Bom mesmo é você ter a liberdade de sair por ai, sem destino. É você não depender de ninguém pra chegar ao lugar desejado. É você se sentir mal, ou feliz demais, e ir à algum lugar só pra relaxar. É você ter um refugio. Voar sem ter aonde
chegar

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

olhar, silêncio e mistério.

sinto saudades.