Passado imperfeito.


Hoje não vim falar de você. Vim falar de um ex amor, que me dominou durante um longo tempo. Mas como tudo tem um fim, este acredito que chegou ao seu. Porém, como todo amor deixa marcas, esse me deixou. Umas enormes que acredito que até hoje não cicatrizou por completo.
Sinceramente não sei qual é o sentimento definível que tenho por ti, só sei que eu preciso deixar para trás, juntos com as lembranças, boas ou ruins. Esquecer de vez o que você um dia significou para mim. Mas.. será que isto é possível? Não sei... alias, tem que ser.
Quero te confessar que toda vez que escuto teu nome, ou algo que me traga a lembrança de você, me da saudade. Saudade da época, que eu te amava, e PODIA DIZER ISSO, mesmo não escutando o mesmo. Hoje em dia, não posso sonhar em dizer isso. As circunstâncias são outras.
Só me resta esquecer-te de verdade, e ... apesar desse sentimento eu não tenho mais CORAGEM de se quer beija-lo ao menos uma ultima vez. Não posso. Por motivos maiores.
 No entanto, só me resta desejar felicidades para ti, e que você seja muito feliz! E que te dêem o valor que espero que dêem para ri. Você merece isso e muito mais. É isso, desabafei.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

olhar, silêncio e mistério.

sinto saudades.